Sindicato em

Notícias

Notícias

Os associados do Sindicato dos Médicos do Ceará já podem utilizar o WhatsApp como nova ferramenta oficial de comunicação da entidade. A partir de agora, os filiados terão mais um canal direto para tirar dúvidas, ficar mais informados, realizar denúncias, enviar críticas e elogios por meio do WhatsApp (85) 98956.5419. O objetivo é fortalecer ainda mais o vínculo dos associados com o Sindicato, facilitando ainda mais a interação e a comunicação no intuito de que o trabalho realizado atenda as expectativas dos profissionais.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará, cuja missão é trabalhar pela valorização da atividade médica e, consequentemente, pela melhoria contínua da saúde, apoia a campanha #QueroMeuCearádeVolta, lançada por artistas e personalidades cearenses com o objetivo de pedir paz diante da onda de violência que acomete todo o Estado. 

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará, por meio do Projeto Sindicato Cidadão, apoiará o Dermatologistas Por Amor, ação que será realizada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia - Regional Ceará (SBD-CE), no próximo dia 19 (sábado), na Casa de Repouso Recanto da Felicidade, na praia do Pacheco, em Caucaia. A iniciativa terá como objetivo promover a saúde dos idosos residentes na casa com a realização de exames de pele, consultas médicas, atividades lúdicas e interativas, demonstrando solidariedade, cuidado e amor ao próximo.

Notícias

Em resposta ao ofício enviado pelo Sindicato dos Médicos do Ceará solicitando explicações acerca da inundação no setor de emergência do Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto, em Messejana, ocorrida no dia 17 de dezembro, a diretoria da unidade informou, no último dia 20, por meio de ofício, que o problema foi prontamente corrigido. O pedido foi oficiado no dia 18 de dezembro, após o Sindicato receber uma denúncia, em vídeo, cujas imagens mostravam o vazamento de água que inundou a emergência do hospital. A situação demonstrava a falta de estrutura do local para acolher e tratar os pacientes que buscavam atendimento.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará, sempre em busca de garantir serviços de excelência aos seus associados, se renova a cada ano. Em 2019, devido às mudanças na legislação, a entidade passará por reestruturação a fim de manter as ações realizadas e assegurar o trabalho de defesa dos médicos e estudantes de medicina. Com o valor de apenas R$ 9,61 mensal, os acadêmicos filiados poderão usufruir de todas as vantagens da categoria. O pagamento poderá ser realizado via boleto bancário e cartão de crédito. Os boletos começarão a ser enviados a partir de segunda-feira (21) para os estudantes interessados em permanecer associado e usufruindo de todos os benefícios da entidade. 

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará não para de receber denúncias acerca de ameaças de ataques criminosos contra unidades de saúde em Fortaleza, sobretudo, os postos da atenção básica. Os relatos de violência e medo assustam profissionais e pacientes que precisam de atendimento na rede pública. Um dos casos de pânico denunciados à entidade foi o ocorrido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Itaperi. Funcionários denunciaram, nesta terça-feira (8), que bandidos passaram e anunciaram que se a unidade continuasse aberta eles iriam incendiar o local. Outra declaração, de um médico que prefere não se identificar, inclui relatos de que o Posto Oliveira Pombo, no bairro Pan Americano, também está sob ameaça de ser atacado caso não feche as portas.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará, no uso de suas atribuições legais, recomenda a todos os médicos de Fortaleza e Municípios que estejam sofrendo com os atentados violentos registrados nos últimos dias no Estado a não comparecerem aos seus locais de trabalho até que lhe sejam assegurados as condições mínimas de segurança. Relatos graves de violência foram repassados à entidade, desde assaltos a toques de recolher. Desta maneira, com o objetivo de resguardar a vida dos médicos e da população, o Sindicato orienta que os profissionais preservem a sua integridade física até que a situação extrema e inaceitável de violência esteja sob controle, especialmente, aqueles que atuam nos postos de saúde da Capital, tendo em vista a retirada das equipes de segurança pela Prefeitura.

Os médicos receberão o apoio jurídico irrestrito da entidade, que oficiará Prefeituras e Governo do Estado comunicando a orientação e solicitando, mais uma vez, que os responsáveis garantam a plena segurança nas unidades de saúde e seja garantido o abono de eventuais faltas. Esta recomendação serve como notificação aos órgãos públicos quanto à ausência dos médicos contratados, estando, portanto, o Sindicato de prontidão para atender qualquer convocação do Poder Público no sentido de representar todos os seus associados.

O Sindicato aguarda um posicionamento das autoridades quanto às medidas concretas que serão adotadas para garantir a plena segurança dos médicos e da população que dependem do sistema público de saúde. O Estado do Ceará vive um cenário crítico de violência, no qual aqueles que mais necessitam sofrem com a carência de implementação de medidas eficazes para a garantia de direitos fundamentais, como saúde, segurança e, sobretudo, dignidade.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

Previous Next
Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará recebeu, nesta segunda-feira (7), denúncias de que bandidos ordenaram toque de recolher em várias unidades de saúde de Fortaleza e mandaram fechar as portas do Posto de Saúde Monteiro de Morais, no bairro Sapiranga. Os relatos incluem ainda uma ordem “das cores”, no Posto de Saúde Casemiro de Lima Filho, na Barra do Ceará, na qual a ameaça é de que as pessoas devem ficar dentro do local, sem opção de irem para casa. Apavorados, funcionários passaram mal, com crises de pânico, sobretudo, por estarem vulneráveis à ação de criminosos. 

Previous Next
Notícias

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) dos bairros de Messejana, Itaperi, Altran Nunes, em Fortaleza, e Jurema, em Caucaia, foram visitadas, no último dia 29, pelo presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, Dr. Edmar Fernandes, e membro do Conselho Regional de Medicina do Estado do Ceará (Cremec), Dr. Marcelo Esmeraldo. Problemas graves e recorrentes, como pacientes internados a espera de transferência, redução no quadro de funcionários e falta de segurança foram identificados pelas entidades.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará recebeu, nessa quinta-feira (3), denúncias acerca do fechamento do Posto de Saúde Chico Passeata, na comunidade Jana Rubra, no bairro Itaperi, em Fortaleza, após ordem de criminosos. Os relatos também incluem a ameaça dos bandidos para que fossem fechados a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e o Posto Dom Aloísio Lorscheider, localizados no mesma região. Ciente da gravidade da situação, o presidente da entidade, Dr. Edmar Fernandes, visitou, na manhã desta sexta-feira (4), os locais e constatou a veracidade das denúncias e as constantes ameaças de criminosos, que vêm aterrorizando a população e impedindo o pleno funcionamento das unidades de saúde. 

logo---sindmed-2018---branco.png

Rua Pereira Filgueiras, 2020, 9º Andar - Aldeota
CEP: 60160-194 / Fortaleza - CE
Fone: (85) 3261-4788 / 98956-5419
Email: atendimento@sindmedce.org.br

Receba os nossos Boletins de Notícias!

Não enviamos Spans! Fique atento ao seu e-mail.