Sindicato em

Notícias

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará recebeu, nessa quarta-feira (5), abaixo-assinado com mais de 500 assinaturas de profissionais da saúde solicitando ao Governo do Estado a realização de concurso público, tendo em vista a grande demanda da população e a carência de equipes nas unidades de saúde.

Notícias

O presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, Dr. Edmar Fernandes, visitou, na manhã dessa quarta-feira (05), o posto de saúde José Barros de Alencar, no bairro Pedras, em Fortaleza. O gestor retornou após o local ser palco de ação criminosa no último dia 22 de maio, quando profissionais e pacientes foram rendidos por bandidos armados. Na ocasião, a entidade oficiou a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social solicitando policiamento na unidade.

Notícias

A partir de negociações mediadas pelo Sindicato dos Médicos do Ceará, a Prefeitura de Marco acertou, em maio, os débitos que possuía com os médicos associados à entidade. Permanecem ainda no Devedômetro 11 cidades: Aracati, Baturité, Caridade, Catunda, Chaval, Icó, Limoeiro do Norte,  Mulungu, Pacajus, Potengi e Quixadá.

Previous Next
Notícias

Nesta sexta-feira (31), 254 pacientes estão internados nos corredores dos cinco maiores hospitais de Fortaleza: Instituto Dr. José Frota (IJF), Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes (HM), Hospital Geral de Fortaleza (HGF), Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS) e Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM). Os números, que revelam a realidade da saúde pública do Estado do Ceará, faz parte do Corredômetro, levantamento criado e divulgado pelo Sindicato dos Médicos do Ceará, em parceria com a Associação Médica Cearense (AMC), com o objetivo de compartilhar com a sociedade o descaso das autoridades com a saúde pública. 

Previous Next
Notícias

Os acadêmicos de Medicina realizaram, no último sábado (25), por meio do Sindicato Estudantil, Projeto do Sindicato dos Médicos do Ceará, uma manhã de atividades dedicada às idosas do bairro da Serrinha. A iniciativa, realizada em conjunto com o Projeto Serrinha de Acompanhamento Familiar (PROSAF) da Universidade Federal do Ceará (UFC) a Universidade Estadual do Ceará (UECE), ofereceu serviços de aferição de pressão arterial e glicemia, orientações sobre estilo de vida saudável e cuidados com a saúde, além de muito carinho. 

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará recebeu mais uma denúncia de abuso de poder e assédio moral. O caso se trata da alteração brusca e sem justificativa plausível da escala de plantão exercida há 13 anos, no Hospital José Maria Philomeno Gomes, em Pacajus, pelo servidor público municipal Dr. Alexandre Holanda, inviabilizando a atuação do profissional em outra cidade. O pedido foi encaminhado por meio do Ofício 513/2019 emitido pela Secretaria Municipal de Saúde após o médico se indispor com o prefeito por solicitar melhorias na unidade.

Previous Next
Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará recebeu, nesta sexta-feira (24), a visita dos profissionais da Associação Cearense de Apoio aos Massoterapeutas Deficientes Visuais (ACAMDEVI). A ideia do presidente, Dr. Edmar Fernandes, foi oferecer aos colaboradores uma manhã de bem-estar, valorizando a inclusão social por meio da valorização do trabalho desempenhado pelos membros da Associação.

Notícias

Em menos de 10 dias, o Sindicato dos Médicos do Ceará presenteou os cinco primeiros médicos que se sindicalizaram à entidade para curtirem o Arraiá dos Dotô. A campanha, que se estenderia até o dia 7 de junho, foi encerrada nesta quarta-feira (22), devido à grande procura dos profissionais interessados em participar da festa e aproveitar as vantagens que o Sindicato oferece.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará manifesta-se contra à implantação de um novo modelo de gestão, comandada por uma Organização Social (OS), no Hospital e Maternidade Zilda Arns, também conhecido por Hospital da Mulher.
O Projeto de Lei 513/2018, que altera a gestão da Saúde Pública por Organizações Sociais (OS), tramita na Câmara Municipal de Fortaleza desde outubro de 2018. A proposta, se aprovada, possibilitará que a instituição seja administrada por uma OS, ocasionando graves consequências para profissionais e pacientes, tendo em vista que a forma de contratação dos colaboradores será alterada e a continuidade dos tratamentos médicos oferecidos poderá vir a sofrer sérios impactos. Tal situação também deve significar o início da privatização da saúde municipal. Diante do exposto, a entidade solicita à Prefeitura a imediata suspensão do Projeto de Lei, assegurando assim a permanência do modelo de gestão pública e garantindo que a unidade de saúde continue sendo referência no atendimento às mulheres.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará vem por meio deste reiterar o seu apoio incondicional ao Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida), realizado pelo Ministério da Educação, como o único instrumento de acesso aos profissionais que possuem diplomas de Medicina conquistados em outros países. Tal posicionamento leva em consideração a segurança, principalmente, dos pacientes que devem receber assistência de médicos com a devida qualificação, sendo exigidos dos mesmos a aprovação em etapas importantes, como avaliação de documentos e a realização de provas práticas e teóricas.
A entidade defende a aprovação do Projeto de Lei nº 4.067/2015, cujo teor legitima o Revalida. A proposta, que se encontra, atualmente, na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, aguardando votação e, posterior, sanção presidencial, dialoga com os compromissos assumidos pelo presidente Jair Bolsonaro, os quais foram reafirmados em recente reunião com a diretoria do Conselho Federal de Medicina (CFM), no Palácio do Planalto.
Dessa forma, o Sindicato dos Médicos do Ceará se manifesta contra o Projeto de Lei nº 2.842/2019, cujo teor contraria o PL nº 4.067/2015, tendo em vista as graves consequências à saúde da população por privar o País de ter acesso a um sistema seguro de revalidação de diplomas profissionais obtidos em outros países.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

logo---sindmed-2018---branco.png

Rua Pereira Filgueiras, 2020, 9º Andar - Aldeota
CEP: 60160-194 / Fortaleza - CE
Fone: (85) 3261-4788 / 98956-5419
Email: atendimento@sindmedce.org.br

Receba os nossos Boletins de Notícias!

Não enviamos Spam! Fique atento ao seu e-mail.