Sindicato dos Médicos recomenda piso estadual de cerca R$ 11 mil para a categoria
Entidade também sugere novos valores mínimos para plantões (diurno e noturno) e consultas

Durante Assembleia Geral Extraordinária (AGE), realizada no dia 22 de dezembro, pelo Sindicato dos Médicos do Ceará com a categoria, foi estabelecida a recomendação do piso médico estadual no valor de R$ 10.991,19 para uma jornada de trabalho de 20 horas. Também foram sugeridos valores para os plantões (diurno e noturno) e consultas.

Leia mais: Estudo do CFM aponta que médicos têm salários 63% abaixo do piso; Sindicato convoca categoria para debater tema em assembleia

Os profissionais deliberaram o valor mínimo para o plantão diurno (12 horas), em R$ 1.523,02 e para o plantão noturno (12 horas), em R$ 2.094,15. Quanto ao valor mínimo da consulta, foi estipulado em R$ 121,83.

“Esses valores tratam-se de recomendações do Sindicato dos Médicos, que devem ser utilizadas como referência para salários mais justos e atualizados para a categoria em nosso Estado”, explica Dr. Leonardo Alcântara, presidente do Sindicato dos Médicos.

Estudo

Os valores foram sugeridos com base em um levantamento realizado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), no qual apontou que os salários dos médicos concursados estão 63% abaixo do piso.

Conforme o CFM, o valor médio nacional da remuneração dos médicos para uma carga horária de 20 horas semanais é de R$ 6.608,98, e de 40 horas semanais, de R$ 13.480,74. No entanto, no Nordeste, por exemplo, os estados oferecem valores inferiores a esta média nacional: R$ 5,8 mil (20 horas) e R$ 12,5 mil (40 horas).

O Sindicato dos Médicos do Ceará reafirma seu compromisso com a categoria e reitera que seguirá trabalhando incansavelmente para garantir uma remuneração digna aos profissionais do Estado.

Fonte: Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

 

Assine nossa newsletter

Fique atualizado sobre todas as notícias e oportunidades!

Fale Conosco