Gonzaguinha de Messejana: profissionais da saúde e população pedem que hospital não seja fechado
Nesta quarta-feira (09), às 9 horas, será realizada uma audiência pública na Câmara Municipal de Fortaleza com a Comissão da Saúde

O Sindicato dos Médicos do Ceará e as demais entidades sindicais realizaram na manhã desta terça-feira (06), um novo ato pelo não fechamento do Gonzaguinha de Messejana. A mobilização ocorreu em frente a unidade e contou com a participação da população e de vereadores de Fortaleza.

A unidade hospitalar, que conta com ambulatórios, serviços de emergência, internação e atendimento obstétrico 24 horas, será totalmente fechada a partir do dia 1º de julho para passar por uma reforma. A medida, no entanto, pegou servidores e usuários de surpresa.

Durante o ato, o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, Dr. Leonardo Alcântara, ressaltou que a Prefeitura de Fortaleza e a Secretaria Municipal da Saúde não deram uma solução plausível para manter o atendimento à população de Messejana, que vai ficar desassistida, como também não deram uma resposta aos servidores sobre como ficará a relação de trabalho daqui para frente.

“Temos que continuar lutando, sim, por melhorias nas nossas unidades hospitalares e por atenção aos nossos pacientes, mas não podemos permitir que atitudes de gestão, como o fechamento de uma unidade hospitalar, prosperem”, afirmou Dr. Leonardo Alcântara.

A vereadora Adriana Nossa Cara, que esteve presente na mobilização, também ressaltou preocupação quanto ao fechamento da unidade. “Estamos aqui no Gonzaguinha de Messejana para dizer que o Gonzaguinha não pode parar os serviços de atendimento às mulheres mais pobres, às mulheres com gestação de alto risco, às puérperas, às recém-nascidas e às gestantes com HIV. Esse hospital é muito importante, porque está na periferia da cidade e atende também a Região Metropolitana”, disse.

As entidades sindicais e os profissionais encerraram a mobilização com um grande abraço simbólico para reiterar a importância do Gonzaguinha de Messejana e, mais uma vez, pedir para que a unidade não seja fechada.

Audiência Pública                                                                                                           

Nesta quarta-feira (09), às 9 horas, será realizada uma audiência pública na Câmara Municipal de Fortaleza com a Comissão da Saúde, os servidores do Gonzaguinha de Messejana e os usuários do hospital.

Galeria de fotos

Fonte: Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

 

Assine nossa newsletter

Fique atualizado sobre todas as notícias e oportunidades!

Fale Conosco