Sindicato em

Notícias

Previous Next
Notícias

Sindicato dos Médicos do Ceará realiza ato em frente ao Palácio da Abolição pela efetivação do PCCS dos servidores estaduais

Na manhã desta terça-feira (26), o Sindicato dos Médicos do Ceará realizou ato pela semana do Servidor Público e pela efetivação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) em frente ao Palácio da Abolição. A mobilização teve como objetivo solicitar uma reunião com o governador Camilo Santana para tratar sobre o plano do PCCS elaborado pelos Sindicatos da saúde.

O ato contou com a participação dos Sindicatos da saúde: Sindicato dos Médicos do Ceará, Sindicato dos Assistentes Sociais do Estado do Ceará (Sasec), Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Estado do Ceará (Sindsaúde), Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Ceará (Senece) e Sindicato dos Odontologistas do Ceará (Sindiodonto).

Leia mais: Sindicatos da saúde participam de reunião com deputados cearenses para implantação do PCCS dos servidores estaduais

Em assembleia, médicos servidores estaduais aprovam projeto de implantação do PCCS; conheça as principais propostas

Sindicato dos Médicos solicita reunião com Camilo Santana para tratar de assuntos relativos ao PCCS dos servidores públicos da área da saúde

Para o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, Dr. Leonardo Alcântara, a mobilização é extremamente importante e histórica. “Todos os profissionais da saúde estão juntos para mostrar ao Governador do Estado, que o PCCS da saúde precisa entrar imediatamente. Os profissionais da saúde e os servidores estaduais mostraram seu valor durante esse período da pandemia e nada mais justo que aprovar esse PCCS”, disse.

O presidente do Sindicato dos Médicos lembrou ainda que, para os médicos da Sesa, já são mais de 13 anos de espera pela efetivação do PCCS, de atrasos e desvalorização salarial superior a 100% quando comparado com a inflação do mesmo período.

Em apoio à mobilização, o deputado estadual e médico, Heitor Férrer, também esteve presente e defendeu que o movimento dos profissionais da saúde é legítimo e mais que necessário. “Temos que ir atrás do que é nosso, do que é direito nosso, do que é legítimo. Os servidores, tanto nível médio como superior, merecem ter o reconhecimento do Governo do Ceará”, disse.

A coordenadora do Departamento Jurídico, Dra. Thaís Timbó, destacou a extensa agenda que ambos os sindicatos estão cumprindo no sentido de sensibilizar o governador e deputados estaduais sobre a urgência na aprovação do PCCS. “Nós já vimos de várias reuniões, e esse plano foi construído em uma mesa setorial da saúde, na Secretaria da Saúde, junto com a bancada de governo, onde vem buscando minimizar todas as perdas que tivemos ao longo desses anos”, explicou.

Reunião

Durante o ato em frente ao Palácio da Abolição, a comissão dos representantes dos Sindicatos da saúde foi recebida pela Assessora Especial de Acolhimento aos Movimentos Sociais, Zelma Madeira, e pela Assessora da Casa Civil, Camila Silveira, onde apresentaram a proposta do PCCS e a necessidade da urgência pela aprovação. “Mostramos a ela a urgência dessa negociação e a urgência da aprovação da implantação do PCCS. Recebemos dela o compromisso de uma agenda e vamos ficar cobrando. O mais importante é deixar claro que as categorias estão reunidas, porque sem essa mobilização, a gente não vai chegar lá. Nosso prazo é de, no máximo, até dezembro termos tudo já fechado”, ressaltou o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará.

Ainda de acordo com o Dr. Leonardo Alcântara, não há nada definitivo, a categoria precisa estar mobilizada e participando dos atos em prol do PCCS.

A presidente do Sindsaúde, Marta Brandão, também destacou a necessidade de engajamento de todas as categorias. “A gente precisa ressaltar que tem servidor público dizendo que isso já está acertado, não tem nada garantido,  nada acertado, essa conquista vai depender de muita luta”, afirmou.

Agenda

Após a mobilização, os representantes dos Sindicatos da saúde estiveram reunidos no auditório do Sindicato dos Médicos do Ceará com o objetivo de definir uma agenda. Confira a programação:

28 de outubro: Dia do Servidor Público, caminhada da Praça da Imprensa à Assembleia Legislativa do Estado Ceará, às 9 horas.

03 de novembro: ato no Palácio da Abolição, às 9 horas.

 

Fonte: Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

logo-sindmed-2018-branco-rodape.png

SINDICATO DOS MEDICOS DO ESTADO DO CEARA
CNPJ: 06.915.268/0001-30
Rua Pereira Filgueira, 2020, 9º Andar - Aldeota
CEP: 60160-194 / Fortaleza - CE
Fone: (85) 3261-4788 / (85) 98956-5419
Email: atendimento@sindmedce.org.br
Horário de atendimento: 8h às 17h, de segunda a sexta-feira 

 

Receba os nossos Boletins de Notícias!

Não enviamos Spam! Fique atento ao seu e-mail.