Sindicato em

Notícias

Notícias

Sindicato notifica Cooperativa de Trabalho dos Médicos Emergencistas do Ceará por atraso de salário aos profissionais que atuam na UTI Covid do Hospital de Messejana

O Sindicato dos Médicos do Ceará notificou, na última segunda-feira (12), a Cooperativa de Trabalho dos Médicos Emergencistas do Ceará LTDA (Cemerge) pela ausência de pagamento dos médicos que atuam na UTI Covid do Hospital de Messejana, em Fortaleza. Os profissionais ainda não receberam o salário referente ao período de abril a maio deste ano.

De acordo com as denúncias recebidas pelo Departamento Jurídico do Sindicato, a Cooperativa não se disponibilizou em regularizar a questão de forma definitiva nem mesmo a cumprir as datas previstas para quitar os débitos.

O Diretor Financeiro do Sindicato dos Médicos, Dr. Edmar Fernandes, solicita que o pagamento seja honrado urgentemente aos profissionais que estão dedicando sua vida, principalmente neste momento de pandemia. “Lembrando aos demais colegas médicos, que estão com alguma dificuldade de receber seus salários e pagamentos, avisem imediatamente ao Sindicato dos Médicos”, destaca Dr. Edmar Fernandes.

O Sindicato dos Médicos do Ceará ressalta ainda que determinou o prazo de 48 horas para que a Cemerge apresente uma previsão de quando o pagamento será efetuado. Caso não haja retorno, o Departamento Jurídico irá tomar as medidas jurídicas cabíveis no âmbito judicial.

A entidade reitera seu compromisso com a categoria médica cearense e pela defesa da Medicina de qualidade, assim como das melhores condições de trabalho.

Fonte: Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

logo-sindmed-2018-branco-rodape.png

Rua Pereira Filgueiras, 2020, 9º Andar - Aldeota
CEP: 60160-194 / Fortaleza - CE
Fone: (85) 3261-4788 / 98956-5419
Email: atendimento@sindmedce.org.br
Horário de atendimento: 8h às 12h e 13h às 17h, de segunda a sexta-feira 

 

Receba os nossos Boletins de Notícias!

Não enviamos Spam! Fique atento ao seu e-mail.