Sindicato em

Notícias

Previous Next
Notícias

Médicos da Atenção Básica de Fortaleza paralisaram as atividades, nesta segunda-feira (3), e reuniram-se em frente ao Paço Municipal, no Centro da Cidade, em um ato de mobilização às reivindicações da categoria em virtude da inércia da Prefeitura diante do Ofício n° 083/2018, enviado em 20 de julho, no qual foram dispostas importantes pautas relacionadas, sobretudo, à insegurança nos postos de saúde, locais de constantes atos de violência contra profissionais e pacientes; e ao reajuste salarial. Na ocasião, foi decidido, por unanimidade, nova mobilização com data e local a serem definidos posteriormente.

Leia mais: Sindicato informa sobre paralisação das atividades nos postos de saúde de Fortaleza, nessa segunda-feira (3)

Após solicitação do Sindicato, Plenária do CREMEC discutirá paralisação da Atenção Básica

Em Assembleia, médicos decidem suspender paralisação na Santa Casa de Fortaleza e criam Comissão Permanente de Negociação com a Provedoria e o Poder Público

O presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, Dr. Edmar Fernandes, destaca que a mobilização dos profissionais da Atenção Básica é legítima diante de um cenário caótico que impacta diretamente no atendimento de saúde prestado à população. “Mesmo com todas as ocorrências de casos de violência nos postos de saúde, o Município optou por retirar a segurança das unidades. A paralização e a mobilização são nossas últimas opções frente à morosidade da gestão em solucionar esta situação”, declara.

Junto aos mais de 200 médicos, estiveram presentes no ato dezenas de profissionais da saúde que atuam na Atenção Básica. A importante mobilização ganha força à medida que a Prefeitura não apresenta proposta sobre a pauta de reivindicações da categoria, a despeito das inúmeras tentativas de negociação dos profissionais com a gestão, via atuação do Sindicato, por meio do diálogo propositivo, mobilizações e ações da Campanha Saúde Precisa de Segurança, cujo objetivo é alertar as autoridades e a sociedade sobre a insegurança de pacientes e médicos no exercício da profissão. Inclusive, ciente da gravidade da situação, o Sindicato solicitou, em julho de 2017, à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (SSPDS), a inclusão de unidades de saúde – com recorrentes casos de violência registrados – no Programa “Ceará Pacífico”.

Tal paralisação é perfeitamente amparada em Lei, sendo legítimo exercício do direito reivindicatório classista, para melhores condições de trabalho.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

 

Notícias

O total de 13 prefeituras cearenses encerram o mês de agosto de 2018 em débito com os profissionais médicos. O levantamento, realizado pelo Sindicato dos Médicos do Ceará, por meio da Campanha Devedômetro, divulga desde janeiro de 2017 as gestões municipais em atraso com as remunerações médicas. Esse número já chegou a 31 gestões inadimplentes. Mas, por meio da firme atuação do Sindicato, através de negociações administrativas e/ou medidas judiciais cabíveis, muitos municípios já sanaram seus débitos.

Leia mais: Devedômetro: 16 prefeituras cearenses encerram julho em débito com médicos

Devedômetro: 16 prefeituras cearenses encerram junho em débito com médicos

Figuram no Devedômetro do mês agosto as Prefeituras de: Acarape, Aracati, Baturité, Catunda, Chaval, Cruz, Icó, Limoeiro do Norte, Marco, Mulungu, Pacajus, Quixadá, Ubajara

Saíram do Devedômetro

De janeiro de 2017 a agosto deste ano, 21 municípios que tinham débitos com médicos cumpriram seus compromissos e saíram do Devedômetro. São eles: Aiuaba, Acopiara, Aracoiaba, Arneiroz, Beberibe, Canindé, Caridade, Carnaubal, Fortaleza, Guaraciaba do Norte, Horizonte, Jaguaruana, Juazeiro do Norte, Madalena, Maranguape, Meruoca, Missão Velha, Pacoti, Potengi, Saboeiro e São Benedito.

Sobre o Devedômetro

A campanha funciona assim: o Sindicato é acionado por médicos cujas remunerações estão em atraso; após checada a denúncia, a entidade tenta resolver o problema de forma administrativa, através de sua Assessoria Jurídica; esgotadas as negociações no âmbito administrativo, são tomadas as medidas judiciais cabíveis para assegurar o respeito ao trabalho médico e feita a divulgação dos “maus pagadores e devedores” através das redes sociais oficiais e portal do Sindicato dos Médicos. Tal divulgação, sempre no primeiro dia útil de cada mês, refere-se aos débitos do mês anterior.

 

Como acionar o Sindicato

Os médicos cujas remunerações, por parte de órgãos públicos, estejam em atraso ou sofrendo reduções, devem comunicar tais fatos, imediatamente, ao Sindicato dos Médicos através dos seguintes canais: email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.; e Canal do Médico, aplicativo para smartphones, disponível tanto para IOS como para Android, respectivamente, na Apple Store e no Google Play.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

Notícias

Nesta sexta-feira (31), o total de 286 pacientes estão sem leitos adequados, estando ‘alocados’ nos corredores de cinco hospitais de Fortaleza. Esse número é do Corredômetro, levantamento criado pelo Sindicato dos Médicos do Ceará, em parceria com a Associação Médica Cearense (AMC), no dia 21 de abril de 2015, para divulgar e compartilhar com a sociedade o descaso das autoridades com a saúde pública, o que traz sofrimento para pacientes e profissionais da área.

Leia mais: Corredômetro: cerca de 340 pacientes estão nos corredores de apenas cinco hospitais de Fortaleza neste fim de férias

Desde dezembro de 2016, o Corredômetro – antes publicado diariamente e, depois, nos dia úteis – passou a ser divulgado somente no último dia útil de cada mês, como um recorte da realidade mensal. Para tanto, uma ronda é feita, 'in loco', em unidades como o Instituto Dr. José Frota (IJF), Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes (HM), Hospital Geral de Fortaleza (HGF), Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS) e Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM).

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

Notícias

Após o Sindicato dos Médicos do Ceará oficiar a Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza (SMS) e a Direção do Hospital Nossa Senhora da Conceição, no último dia 23, requerendo esclarecimentos e providências acerca da denúncia sobre a falta de médicos obstetras e neonatologistas para atender a demanda da população no referido hospital, representantes da administração pública receberam, nesta quinta-feira (30), o presidente do Sindicato, Dr. Edmar Fernandes, para tratar sobre essa reivindicação. No entanto, na ocasião, a gestão não apresentou nenhuma sugestão para solucionar a problemática, adiando a discussão com a deliberação de uma nova reunião, agendada para o dia 13 de setembro (quinta-feira), às 19h30, na sede da Sociedade Cearense de Ginecologia e Obstetrícia (SOCEGO).  

Previous Next
Notícias

O grande vencedor da Campanha Sindicato na Copa, Dr. Rômulo César Costa Barbosa, recebeu os seus prêmios, na tarde dessa terça-feira (28), na sede da Locker Blindagens, empresa parceira do Sindicato dos Médicos do Ceará na realização da iniciativa. O primeiro lugar ganhou um fim de semana, com acompanhante, no Carmel Cumbuco Resort, além de um Corolla blindado à disposição por 7 dias. A entrega da premiação faz parte da programação de ações em comemoração ao aniversário do Sindicato, que celebra, nesta quarta-feira (29), os seus 77 anos. 

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará publicou, nesta quarta-feira (29), na página 7, do jornal O Estado, Edital informando à população e aos profissionais atuantes na Atenção Básica de Fortaleza sobre a paralisação das atividades nos postos de saúde por 24h (vinte e quatro horas), no dia 3 de setembro de 2018 (segunda-feira), a partir das 8 horas, conforme deliberação em Assembleia Geral Extraordinária, ocorrida no dia 2 de agosto, em face da inércia da Prefeitura, diante do Ofício n° 083/2018, enviado em 20 de julho, no qual foram dispostas importantes reivindicações relacionadas, sobretudo, à insegurança nos postos de saúde, locais de constantes atos de violência contra profissionais e pacientes; e ao reajuste salarial. Tal paralisação é perfeitamente amparada em Lei, sendo legítimo exercício do direito reivindicatório classista, para melhores condições de trabalho.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará publicou, nesta quarta-feira (29), na página 7, do jornal O Estado, Edital de Convocação voltado aos médicos ligados ao Sindicato das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas do Estado do Ceará (SINDHEF) para Assembleia Geral Extraordinária a realizar-se na próxima segunda-feira (3), às 19h, na sede do Sindicato, para aprovação da Convenção Coletiva de Trabalho a vigorar em 2018/2019.

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará, por meio do Programa Sindicato Cidadão, a Associação Peter Pan e a Unimed Ceará convidam a todos a participarem do Passeio Ciclístico Setembro Dourado, a realizar-se no próximo domingo, dia 02 de setembro. A ação tem como objetivo conscientizar a população sobre os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil e a necessidade de acompanhar de perto o público assistido, evitando diagnósticos tardios e equivocados. Será uma manhã de diversão e solidariedade em que o médico poderá pedalar junto com sua família e ajudar no tratamento de crianças e adolescentes assistidas pela associação. 

Notícias

O Sindicato dos Médicos do Ceará completa 77 anos de fundação no próximo dia 29 de agosto e quem ganha o presente é o seu associado que, além das inúmeras conquistas alcançadas, benefícios e serviços ofertados pela entidade, ainda poderá usufruir de um fim de semana, com acompanhante, no Zorah Beach Hotel, na praia do Guajiru, em Trairi, distante cerca de 130 km de Fortaleza. A nova campanha, em parceria com a Nacional Life, Icatu Seguros e Locker Blindagens, ainda contempla 7 (sete) dias com Corolla blindado para viajar com mais tranquilidade e é voltada para os associados adimplentes até o dia 28 de setembro. 

Previous Next
Notícias

As comemorações dos 77 anos do Sindicato dos Médicos do Ceará já começaram. O presidente da entidade, Dr. Edmar Fernandes, escolheu o Interior do Estado para realizar, entre os dias 23 e 25 desse mês, as primeiras visitas aos profissionais e às unidades de saúde com o objetivo de celebrar a data e de acompanhar a rotina e as condições de trabalho dos médicos que atuam nas cidades de Farias Brito, Iguatu, Várzea Alegre, Juazeiro do Norte e Missão Velha, localizadas na Região do Cariri.

logo---sindmed-2018---branco.png

Receba nossos Boletins

Não enviamos Spams!